top of page

Porsche 911 GT3 RS: tudo sobre o esportivo que custa R$ 1,7 milhão


Foto: divulgação


O Porsche 911 já é um veículo bastante veloz. Agora, imagina uma versão preparada para corridas e equipada com um motor de 525 cv? Este é o caso do Porsche 911 GT3 RS, que foi lançado pela marca. A opção mais potente do modelo traz mudanças que melhoram o desempenho e detalhes em fibra de carbono. O preço do carro também chama a atenção.



Foto: divulgação


Tudo sobre o Porsche 911 GT3 RS, um dos carros mais caros da marca no País

Este modelo chega para aumentar a gama de versões do famoso cupê. Além disso, o novo 911 GT3 RS se torna o modelo da montadora alemã mais caro à venda no Brasil.


O interessado em adquirir uma unidade já pode fazer sua reserva, mas terá que pagar o valor de R$ 1.769.000. Não há uma data específica para as entregas começarem.



Foto: divulgação


O novo Porsche 911 GT3 RS apresenta algumas mudanças que ajudam no desempenho. Uma destas alterações é a chegada de um novo e grande radiador central.


Com este componente, que chega para substituir os três radiadores dos modelos anteriores, um espaço foi liberado nas laterais e novos itens aerodinâmicos ativos foram adicionados.


Outra mudança com relação aos modelos anteriores (geração 991.2, por exemplo) e ao atual 911 GT3 é o downforce produzido. Os elementos de asa continuamente ajustáveis na dianteira e no aerofólio traseiro, junto com outros elementos aerodinâmicos, podem fornecer 409 kgdesta força descendente total a 200 km/h.



Foto: divulgação


Enquanto isso, o downforce total a 285 km/h é de 860 kg. O 911 GT3 RS se destaca ainda por ser o primeiro carro de produção da fabricante alemã a contar com um sistema de redução de arrasto (DRS).


Quando o botão é apertado, as asas acabam sendo achatadas. Isso pode ser útil para conseguir um baixo arrasto e uma maior velocidade em retas.

Visual do modelo e conjunto mecânico

Foto: divulgação


A montadora diz que este novo Porsche 911 GT3 RS traz diversos elementos aerodinâmicos funcionais. O novo aerofólio traseiro, que possui um estilo “pescoço-de-cisne”, é um deles. De acordo com a montadora da Alemanha, o componente está “significativamente maior em todas as dimensões”.


Um outro fato inédito neste carro é que a borda superior da asa traseira é mais alta que o teto pela primeira vez. O carro traz ainda entradas atrás das rodas dianteiras (no mesmo estilo do 911 GT1 que foi vencedor em Le Mans) que podem reduzir a pressão dinâmica nas caixas das rodas.



Foto: divulgação


Estes foram exemplos de mudanças que foram realizadas para que o carro possa ter um melhor desempenho aerodinâmico. Pensando no conjunto mecânico, o carro conta com um motor 4.0 boxer de seis cilindros, que pode produzir uma potência máxima de 525 cv. Este propulsor está acoplado a um câmbio PDK (sete velocidades).



Foto: divulgação


De acordo com a Porsche, o veículo pode acelerar de 0 a 100 km/h em 3,2 segundos e atingir uma velocidade máxima de 296 km/h. O eixo dianteiro conta com freios de pinça fixa monobloco de alumínio (seis pistões cada) e disco de freio de 408 mm.


Já o eixo traseiro traz discos de freio de 380 mm e freios de pinça fixa (quatro pistões).


Esta configuração do 911 traz rodas forjadas de liga leve (com trava central). Os pneus esportivos medem 275/35 R20 na frente e 335/30 R21 na traseira. Lembrando que para melhorar a experiência do condutor, o carro conta com três modos de condução: Normal, Sport e Track.

Pacotes Clubsport e Weissach

Foto: divulgação


O interior deste 911 GT3 RS traz o que há de melhor no modelo RS. Isso significa que traz acabamento em couro preto e fibra de carbono.


Dois pacotes estarão disponíveis para os clientes. Um deles é o Clubsport, que não terá custo adicional. Neste caso, o pacote traz barra de proteção de aço e um extintor de incêndio de mão.


Já o motorista conta com cintos de segurança de seis pontos. Também será oferecido o pacote Weissach. Este já possui um valor extra. No entanto, há detalhes especiais. O capô, a capa dos retrovisores laterais, o teto e alguns detalhes da asa estão em fibra de carbono.


Também há detalhes em plástico reforçado com fibra de carbono (CFRP). Por fim, o carro ainda pode vir (opcional com o pacote Weissach) com rodas forjadas de magnésio.


Lembrando que o graças ao uso extensivo do CFRP, o carro passou a pesar 1.450 kg. Será que vale o preço cobrado ou não?


Fonte: Garagem360

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page